Na tarde da última sexta feira a Câmara de Vereadores de Ijuí, realizou por proposição do seu vice-presidente o vereador Adalberto Noronha, uma audiência pública que debateu as condições de trafego nas rodovias da nossa região, além da proposta de instalação de praças de pedágio na ERS-342, entre os municípios de Ijuí e Cruz Alta; e na ERS-344, entre Santo Ângelo e Santa Rosa.

O encontro contou com a presença de representantes de diversos setores, de Ijuí e da região. A secretaria de Transportes do estado foi representada pelo superintendente adjunto do Daer da região, Luiz Carlos de Jesus; com o prefeito de Cruz Alta Vilson Roberto; Prefeito de Boa Vista do Cadeado Fabio Barasuol; Presidente da Câmara de Santo Ângelo, vereador Adolar Queiroz; deputado federal Pompeu de Mattos; de Ijuí somente os Vereadores Junior Piaia, João Monteiro, Rubens Carlos Jagmin, e o proponente que coordenou os trabalhos, vereador Beto Noronha.

Ao final foi criada uma comissão da região Noroeste que acompanhará os debates dobre o tema e levará até o secretário de Transportes e a direção do Daer-RS a contrariedade da comunidade ao modelo de pedágio regulado pela Lei 14.875 de 2016, que entre outros pontos lesivos a sociedade, aumenta de 15 para 30 anos o período de exploração das rodovias pelas concessionárias e não permite nenhuma representação da sociedade civil organizada, como é nos pedágios comunitários.

   

 

 

 

 

Créditos Fotos: Rudinei Horst